CRAV em 1º Lugar

Partilhar


À terceira jornada do campeonato, o CRAV recebeu o Santarém no Estádio Municipal de Rugby de Arcos de Valdevez. A equipa da casa venceu por 45-11 e conquistou mais um importantíssimo ponto de bónus.

Este duelo começou com uma entrada muito forte dos jogadores arcuenses que surpreenderam os adversários com dois ensaios, nos minutos iniciais da partida, fruto de movimentações coletivas de grande qualidade. De acordo com a equipa técnica do CRAV, a vantagem de 14-0 aos quinze minutos de jogo, comprova que os seus atletas “quando executam o seu plano de jogo são uma equipa muito difícil de parar”.

Face ao desenrolar do jogo, houve uma boa reação do Santarém, que através dos seus avançados obrigou o CRAV a defender e a recorrer à falta, conseguindo assim equilibrar o jogo com duas penalidades e um ensaio. Porém, ao intervalo o CRAV ainda detinha três pontos de vantagem, 14-11.

No segundo tempo, o CRAV voltou a entrar forte no jogo e a resolver cedo o seu desfecho ao marcar mais dois ensaios nos primeiros minutos e mais dois até ao final.

“Apesar de ainda não ter o seu jogo completamente consolidado já se nota uma clara evolução entre a equipa da primeira jornada e a deste fim de semana. Apesar disso ainda está longe do seu potencial máximo, tendo que melhorar a sua ligação entre setores no ataque e a sua disciplina na defesa”, declara a equipa técnica local.

Neste jogo, o atleta que mais se destacou foi Viriato Teixeira. Importante tanto na defesa como no ataque, marcou dois dos seis ensaios do CRAV.

De notar que, nesta jornada, o Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Rugby não conseguiu um arbitro disponível para apitar em Arcos de Valdevez. Para o CRAV esta situação é um desprestígio para a modalidade. Segundo os regulamentos, havia nas bancadas um árbitro que se disponibilizou a apitar, pelo que o CRAV endereça o seu agradecimento a Carlos Lourenço.

Está em... Equipas Séniores Notícias CRAV em 1º Lugar